logotipo-certificacao-cpa

Certificação ANBIMA (CPA 10, CPA 20, CEA, CFG, CGA, CGE) | Guia Completo e Atualizado 2023

JUNTE-SE A MILHARES DE PROFISSIONAIS ACIMA DA MÉDIA

Entre para nossa Lista VIP e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Você quer entender o que é e o que faz a ANBIMA?

Ou então gostaria de saber o que são, qual a importância e como obter as Certificações Financeiras CPA-10, CPA-20, CEA, CFG, CGA e CGE?

Quais cargos exigem as certificações? Por onde começar? Qual prova você deve fazer? Como se inscrever? Como funciona?

Esse artigo é um guia COMPLETO e ATUALIZADO sobre o assunto.

Se sua intenção é alavancar sua carreira no Mercado Financeiro ou se você simplesmente quer entender melhor como tudo isso funciona, você está no lugar certo.

Depois desse artigo você vai ter uma nova visão sobre as Certificações Financeiras da ANBIMA. Uma visão muito mais clara.

Preparado?

Então vem comigo nessa!

O que é a ANBIMA?

Nascida em Outubro de 2009, após uma fusão entre a ANBID – Associação Nacional dos Bancos de Investimentos e a ANDIMA – Associação Nacional das Instituições do Mercado Financeira, a ANBIMA funciona como uma reguladora do mercado de ações e capitais.

A ANBIMA, uma abreviação de Associação Brasileira das Entidades do Mercado Financeiro, é uma das maiores entidades financeiras do Brasil, são mais de 340 associados entre bancos, corretoras de investimento e gestoras de patrimônio, entre outros.

Todas elas precisam seguir à risca as regras da ANBIMA!

Dessa forma, a associação traz para suas atividades e estrutura todas as visões possíveis do mercado.

Os 4 Compromissos

A ANBIMA tem 4 compromissos institucionais. Entenda a seguir cada um deles:

1) Representar

A Associação representa os negócios em fóruns e outros eventos, dessa forma promove o diálogo entre os diferentes lados do mercado.

Além disso, tenta estabelecer um código de conduta para as empresas que fazem parte dela.

2) Informar

A ANBIMA trabalha o tempo todo para absorver e divulgar informações sobre o mercado.

Ela tenta formar uma base de dados sólida para informar sem confundir ou gerar dúvidas de maneira segura, transparente e sincera.

3) Autorregular

Já parou pra pensar em como a ANBIMA consegue controlar mais de 300 empresas? Não seria fácil fazer todas elas seguirem as regras à risca.

Na verdade, o que acontece é que a ANBIMA se autorregula.

Isso significa que as próprias empresas ditam como deveriam ser os códigos internos.

Com sua equipe técnica, a Associação avalia e supervisiona as questões propostas e vê se vale a pena, caso positivo vira regra para todos os associados. Caso algo dê errado no futuro e for prejudicial para o mercado como um todo, sai da lista.

4) Educar

A ANBIMA se empenha em distribuir ótimos conteúdos sobre educação financeira.

Ela também acredita que profissionais qualificados formam um mercado forte. É aqui que entram os programas de certificação oferecidos tanto para quem trabalha no setor como para investidores.

Por que ter um Certificado da ANBIMA?

O mercado de trabalho está cada vez mais competitivo. Isso é um fato.

As evoluções da tecnologia tornam trabalhos operacionais cada dia mais obsoletos. Profissões como caixa de banco estão com os dias contados.

Vão permanecer no mercado profissionais que vão além do conhecimento básico necessário.

Nesse cenário, se especializar para se destacar e conseguir subir na carreira ou se recolocar no mercado deixa de ser uma opção e passa a se tornar uma necessidade.

Se tratando de mercado financeiro, ter um certificado da ANBIMA no currículo é como ter um selo de aprovação de uma das maiores entidades financeiras do país. Isso tende a facilitar sua entrada no mercado e elevar muito sua renda mensal.

E tem mais…

Em alguns cargos específicos do mercado financeiro, as certificações são obrigatórias.

Você simplesmente não consegue atuar em determinados cargos se não tiver as certificações exigidas.

Essa exigência de certificações profissionais não foi criada pelos bancos, mas imposta através de resolução pelo Conselho Monetário Nacional.

Além disso, para ser aprovado nos exames de certificação você vai precisar estudar e entender nos mínimos detalhes como funciona o mercado financeiro como um todo.

Dessa forma, se dedicar a obter um Certificado da ANBIMA também é uma maneira de aumentar seu conhecimento.

E esse conhecimento lhe será útil mesmo que você não queira atuar diretamente no mercado financeiro e deseje somente cuidar melhor do seu próprio dinheiro.

Bom, agora que você já sabe o que é a ANBIMA e porque é tão importante ter as Certificações da Associação, vamos falar sobre cada uma delas:

Certificação CPA 10

certificacao-anbima-cpa-10-o-que-e

O que é e para que serve a CPA 10?

A Certificação Profissional ANBIMA – Série 10, ou CPA 10, foi criada para ser a prova de primeiro nível de conhecimento no mercado financeiro.

Assim como as outras certificações, a CPA 10 é obrigatória caso você queira atuar em certas funções nas instituições financeiras.

Através dela, os bancos e instituições sabem que você está preparado para atuar na prospecção ou venda de produtos de investimento diretamente junto ao investidor.

Para obter a Certificação CPA 10 você precisa realizar um exame de conhecimentos feito pela própria ANBIMA.

Em quais cargos posso atuar com a Certificação CPA 10?

A CPA-10 é exigida para trabalhar com a prospecção e a venda de produtos de investimento diretamente para o público em geral, em agências bancárias ou plataformas de atendimento.

Em outras palavras, para trabalhar com investidores não qualificados você precisa ter a Certificação CPA 10.

Alguns dos cargos que você pode atuar tendo a CPA 10, são:

  • Funcionários de Agência (Caixa, Assistentes de atendimento);
  • Assistente de gerente;
  • Atendente comercial;
  • Agente comercial;
  • Agente de atendimento e solução;
  • Entre outros.

A prova

Para ser um profissional Certificado CPA 10, você precisará acertar mais de 70% das 50 questões da prova da ANBIMA.

Ou seja, você precisa acertar pelo menos 35 questões da prova para atingir a pontuação mínima.

O que cai na prova da CPA 10?

Cada prova da ANBIMA tem um conteúdo específico, com pesos diferentes para cada tema.

Em Setembro de 2022(quando estou escrevendo este artigo), os assuntos e seus respectivos pesos na prova CPA 10 são os seguintes:

  • Sistema Financeiro Nacional: Peso de 5% a 10%
  • Ética, regulamentação e Análise do Perfil do Investidor: Peso de 15% a 20%
  • Noções de Economia e Finanças: Peso de 5% a 10%
  • Princípios de Investimento: Peso de 10% a 20%
  • Fundos de Investimentos: Peso de 20% a 30%
  • Instrumentos de Renda Fixa e Renda Variável: Peso de 15% a 25%
  • Previdência Complementar Aberta: Peso de 5% a 10%

Ps.: Os temas citados neste artigo estão valendo no momento em que o escrevo, para temas e seus respectivos pesos atualizados acesse o site oficial da ANBIMA.

Quanto custa a inscrição?

Sim! A ANBIMA cobra uma taxa de inscrição para fazer a prova da CPA 10. Essa taxa tem um preço diferente para associados e não-associados.

Para os associados a inscrição custa atualmente R$ 250,00.

Já para os não associados pagam R$ 300,00 para realizar o exame.

Atenção! Esse valor deve ser pago diretamente à ANBIMA.

Já está estudando para CPA-10? Confira nosso Simulado 100% Gratuito e teste seus conhecimentos!

Certificação CPA 20

certificacao-anbima-cpa-20-o-que-e

O que é e para que serve a CPA 20?

A Certificação Profissional ANBIMA – Série 20, ou CPA 20, foi criada para certificar os profissionais que atuam na venda de produtos de investimento ou na manutenção de carteiras nos segmentos: varejo alta renda, private banking, corporate e investidores institucionais ou plataformas de atendimento.

O profissional com Certificação CPA 20 poderá atuar em todas as atividades ligadas à CPA 10 e mais algumas outras.

Confira:

Em quais cargos posso atuar com a Certificação CPA 20?

Em suma, quem tem CPA 20 mexerá com mais dinheiro (e, consequentemente, terá mais responsabilidades e respaldo no trabalho).

Alguns dos cargos que você pode atuar tendo a CPA 20, são:

  • Gerentes de atendimento (PF, PJ ou Gerente Geral);
  • Gerentes de relacionamento (Comerciais);
  • Corretores e distribuidores de valores mobiliários;
  • Gerentes e Diretores Financeiros;
  • Entre outros.

A prova

Para ser um profissional Certificado CPA 20, você precisará acertar mais de 70% das 60 questões da prova da ANBIMA.

Ou seja, você precisa acertar pelo menos 42 questões da prova no período de 2 horas e meia para atingir a pontuação mínima.

Leia também: Como Estudar para a CPA-20 e Passar de PRIMEIRA!

O que cai na prova da CPA 20?

Entender o conteúdo da prova CPA 20 pode ser mais fácil pra quem já estudou para a prova da CPA 10.

Isso não significa que as provas são iguais. A prova CPA 20 é bem mais completa que a antecessora, e justamente por isso a certificação série 20 é mais valorizada.

Confira os temas da prova e o peso de cada um:

  • Sistema Financeiro Nacional e Participantes: Peso de 5% a 10%
  • Compliance legal, ética e Análise do Perfil do Investidor: Peso de 15% a 25%
  • Princípios Básicos de Economia e Finanças: Peso de 5% a 10%
  • Instrumentos de Renda Variável, Derivativos e Renda Fixa: Peso de 17% a 25%
  • Fundos de Investimentos: Peso de 18% a 25%
  • Previdência Complementar Aberta – PGBL e VGBL: Peso de 5% a 10%
  • Mensuração e Gestão de Performance e Risco: Peso de 10% a 20%

Ps.: Os temas citados neste artigo estão valendo no momento em que o escrevo, para temas e seus respectivos pesos atualizados acesse o site oficial da ANBIMA.

Quanto custa a inscrição?

Como já vimos, a ANBIMA cobra uma taxa de inscrição para fazer os exames de certificação. Essa taxa tem um preço diferente para associados e não-associados.

Atualmente, a inscrição na prova CPA 20 custa R$ 360,00 para associados e R$ 430,00 para não associados.

Lembre-se que esse valor deve ser pago diretamente à ANBIMA.

Já está estudando para CPA-20? Confira nosso Simulado CPA-20 100% Gratuito!

Leia também: CPA-10 e CPA-20: Curso Online ou Presencial, Qual Fazer?

Certificação CEA

certificacao-anbima-cea-o-que-e

O que é e para que serve a Certificação CEA?

A Certificação Especialista ANBIMA, ou CEA, foi criada para tornar o profissional certificado um especialista em investimentos.

Os profissionais com Certificação CEA assessoram os gerentes de contas de investidores pessoas físicas, podendo indicar produtos de investimento.

Em quais cargos posso atuar com a Certificação CEA?

Com a CEA, o profissional pode atuar em todas as atividades ligadas à CPA 10 e CPA 20, tendo a certificação CEA como um diferencial.

Além disso também poderá atuar como Consultor de Investimentos e Planejador Financeiro Autônomo.

Explico mais sobre as duas funções abaixo:

  • Consultor de Investimentos:

O Consultor de Investimentos atende um grupo de agências, e consequentemente, os clientes dessas agências.

Imagine que um cliente chega pro gerente do banco e fala que quer investir 500 mil reais.

Nesse momento o gerente encaminha o cliente para a consultoria especializada com o profissional mais preparado para a situação, o profissional CEA.

  • Planejador Financeiro Autônomo:

O escopo de trabalho de um planejador financeiro pode ser bastante amplo.

Em geral, esse profissional faz um trabalho personalizado com base nas individualidades de cada cliente.

Esse mercado ainda não possui regulamentação no Brasil, isso significa que qualquer um pode se intitular um planejador financeiro autônomo.

Daí a importância de ter a Certificação CEA que acaba agindo como um selo de aprovação, validando o seu conhecimento.

A prova

Para ser um profissional Certificado CEA, você precisará acertar mais de 70% das 70 questões da prova da ANBIMA.

Isso significa que você precisa acertar pelo menos 49 questões da prova no período de 3 horas e meia para atingir a pontuação mínima.

O que cai na prova da CEA?

A prova da CEA aborda os assuntos de maneira mais específica, voltada para o profissional de investimentos. Algo diferente do que acontece nas provas da CPA 10 e CPA 20.

Manjar de Matemática Financeira e dominar a HP12C é imprescindível.

Confira os temas da prova e o peso de cada um:

  • Sistema Financeiro Nacional e Regulação dos Mercados: Peso de 5% a 15%
  • Fundamentos de Economia, Finanças e Estatística: Peso de 5% a 15%
  • Produtos de Renda Variável, Renda Fixa e Contratos Derivativos: Peso de 15% a 25%
  • Fundos de Investimento: Peso de 10% a 20%
  • Gestão de Carteiras e Riscos: Peso de 10% a 20%
  • Planejamento de Investimento: Peso de 15% a 25%
  • Produtos de Previdência Complementar: Peso de 10% a 15%

Ps.: Os temas citados neste artigo estão valendo no momento em que o escrevo, para temas e seus respectivos pesos atualizados acesse o site oficial da ANBIMA.

Quanto custa a inscrição?

Como já vimos, a ANBIMA cobra uma taxa de inscrição para fazer os exames de certificação. Essa taxa tem um preço diferente para associados e não-associados.

Atualmente, a inscrição na prova CEA custa R$ 520,00 para associados e R$ 630,00 para não associados.

Lembre-se que esse valor deve ser pago diretamente à ANBIMA.

Certificação CFG

certificacao-anbima-cfg-o-que-e

O que é e para que serve a CFG?

A Certificação ANBIMA de Fundamentos de Gestão(CFG) é uma certificação para profissionais que pretendem atuar na gestão de recursos de terceiros.

Atualmente, ser certificado com a CFG é pré-requisito para conquistar a CGA e/ou a CGE, abrindo as portas para quem quer atuar em gestão de recursos de terceiros.

Após isso possuir a Certificação CFG, será possível escolher entre as certificações:

  • CGA: destinada a gestão profissional de fundos de renda fixa, ações, cambiais e multimercados;
  • CGE: destinada a gestão profissional de fundos como FIP, FIDC e FII.

A prova

Para ser um profissional CFG, é necessário resolver as 60 questões da prova em até 3h e obter no mínimo 70% de acertos.

O que cai na prova CFG?

As perguntas abrangem 12 áreas de conhecimento. Estes são os temas abordados:

  • Métodos quantitativos;
  • Economia;
  • Análise de relatórios financeiros;
  • Finanças corporativas;
  • Mercados e instrumentos financeiros;
  • Teoria moderna de carteira e modelos de precificação de ativos;
  • Finanças comportamentais;
  • Política de investimento;
  • Alocação de ativos;
  • Novas tecnologias em finanças;
  • Ética e autorregulação;
  • Legislação e regulação;

Quanto custa a Inscrição?

Para profissionais de empresas associadas à ANBIMA a prova custa R$ 475,00, já para não associados R$ 570,00.

Certificação CGA

certificacao-anbima-cga-o-que-e

O que é e para que serve a CGA?

A CGA(Certificação de Gestores ANBIMA) é obrigatória para quem ocupa ou deseja ocupar cargos com poder de decisão de compra e venda dos ativos financeiros que integram as carteiras dos seguintes veículos de investimento:

  • Fundos de Investimento de renda fixa;
  • Ações;
  • Cambiais;
  • Multimercados;
  • Carteiras administradas;
  • Fundos de Índice.

Em quais cargos posso atuar com a Certificação CGA?

Certificação CGA habilita profissionais a gerenciar os recursos de outras pessoas.

Um exemplo disso é a profissão de Gestor de Investimentos(asset manager).

Basicamente, um gestor estuda o mercado, busca por mudanças oportunas e identifica tendências.

Com essas informações ele define quais são as melhores oportunidades e pontos de entrada e saída de cada aplicação, levando em consideração também os objetivos traçados pelos investidores.

O Gestor de Investimentos também tem a responsabilidade de emitir ordens de compra e venda de títulos em nome do fundo que representa.

A prova

Para ser um profissional Certificado CGA, você precisará possuir a certificação CFG e acertar mais de 70% das 45 questões da prova da ANBIMA.

Isso significa que você precisa acertar pelo menos 32 questões da prova no período de 2 horas e meia para atingir a pontuação mínima.

O que cai na prova da CGA?

As perguntas dos exames da CGA abrangem seis áreas de conhecimento relacionadas ao universo de gestão de fundos de investimento.

Veja os temas cobrados na prova:

  • Gestão de carteiras – Renda variável;
  • Gestão de carteiras – Renda fixa;
  • Investimentos no exterior;
  • Avaliação de desempenho;
  • Gestão de risco;
  • Legislação, regulação e tributação.

Quanto custa a inscrição?

Atualmente, a inscrição na prova CGA custa R$ 550,00 para associados e R$ 650,00 para não associados.

Os módulos são pagos e feitos de maneira separada, em datas diferentes.

Certificação CGE

certificacao-anbima-cge-o-que-e

O que é e para que serve a CGE?

Assim como a CGA, a CGE(Certificação de Gestores ANBIMA para Fundos Estruturados) é obrigatória para quem ocupa ou deseja ocupar cargos com poder de decisão de compra e venda de ativos financeiros.

Porém para os ativos que integram as carteiras dos seguintes veículos de investimento:

  • FIDC (Fundos de Investimento em Direitos Creditórios);
  • FII (Fundos de Investimento Imobiliários);
  • FIP (Fundos de Investimento em Participações);
  • Fundos de Índice.

Atenção! A CGE ainda não é aceita para fins de credenciamento na CVM.

Em quais cargos posso atuar com a Certificação CGE?

Certificação CGE também habilita profissionais a gerenciar os recursos de outras pessoas.

A prova

Para se certificar, é necessário possuir a Certificação CFG, CFA (Chartered Financial Analyst) ou CAIA (Chartered Alternative Investment Analyst) e ser aprovado no exame de certificação.

A prova da CGE tem duração de 2 horas e meia e 45 questões. Para ser aprovado, é necessário obter no mínimo 70%, ou 32 questões de acertos.

O que cai na prova da CGE?

As questões das provas da CGE abrangem oito áreas de conhecimento relacionadas ao universo de gestão de produtos estruturados.

Veja os temas cobrados na prova:

  • Investimentos imobiliários;
  • Private equity;
  • Securitização de recebíveis;
  • Fundos de índice;
  • Investimentos no exterior;
  • Avaliação de desempenho;
  • Gestão de risco;
  • Legislação, regulação e tributação.

Quanto custa a inscrição?

A inscrição na prova CGE custa R$ 550,00 para associados e R$ 650,00 para não associados.

Como se Inscrever para fazer os Exames de Certificação?

prova-anbima-inscricao-agendar

Tudo que você precisa fazer é acessar o site oficial da ANBIMA, fazer sua inscrição e escolher o exame que deseja fazer.

Depois da inscrição, é emitido um boleto que deve ser pago antes de dar continuidade.

Após confirmado o pagamento, o candidato tem 60 dias para escolher uma data e agendar a prova. Se o agendamento não for realizado nesse prazo, a inscrição é cancelada sem restituição, portanto fique atento!

O exame é feito em um centro de testes. Apesar de a prova ser computadorizada, não existe a opção de fazê-la em casa pela internet.

À seguir vamos deixar um link para o site oficial da ANBIMA onde você pode fazer o seu agendamento.

CLIQUE AQUI para acessar o site oficial da ANBIMA.

Onde são feitas as provas da ANBIMA?

No site oficial da ANBIMA você poderá consultar o calendário oficial de provas e escolher o melhor local e data para realizar a prova.

No próprio site você poderá selecionar o seu Estado, Município e local, é tudo bem intuitivo e fácil de usar.

São diversas datas disponíveis e você poderá escolher a que melhor se encaixar na sua agenda.

Validade das Certificações ANBIMA

Essa é uma das informações que mais confundem, portanto é necessário ficar atento.

A vigência das Certificações da ANBIMA pode variar de três a cinco anos, a depender da situação do profissional.

Como assim?

Se o profissional estiver trabalhando em uma instituição associada à ANBIMA, ele é considerado um profissional certificado. Nesse caso, a certificação tem validade de cinco anos.

Já se o profissional não estiver trabalhando em uma instituição associada, ele é considerado um profissional aprovado. Nesse caso, a certificação tem validade de apenas três anos.

A validade atual da certificação também pode mudar, aumentando ou diminuindo, se o status de trabalho do profissional mudar.

Por exemplo, se um profissional não estiver trabalhando quando receber a certificação, mas dois anos depois for contratado, então a sua certificação que estava prestes a vencer, receberá mais três anos de validade.

Renovação ou Atualização

Até Julho de 2018, o profissional certificado pela ANBIMA precisava fazer uma prova de atualização após o término da validade do seu certificado para mantê-lo válido.

Atualmente a renovações são feitas através de cursos de atualização oferecidos pela própria ANBIMA ou pela empresa em que o profissional trabalha.

O curso deve ser feito em até 15 dias antes do vencimento da certificação.

Logo abaixo seguem os valores dos cursos de atualização de cada certificação:

  • CPA 10: R$ 200,00 para associados e R$ 240,00 para não associados;
  • CPA 20: R$ 260,00 para associados e R$ 310,00 para não associados;
  • CEA: R$ 280,00 para associados e R$ 330,00 para não associados;
  • CFG/CGA/CGE R$ 310,00 para associados e R$ 370,00 para não associados;

Ps.: Os valores citados neste artigo são os valores cobrados no momento em que o escrevo, para valores atualizados acesse o site oficial da ANBIMA.

Qual certificação escolher?

Essa é uma das perguntas mais comuns.

Qual prova devo fazer? CPA 10 ou CPA 20? CPA 20 ou CEA? CEA ou CFG? CGA ou CGE?

A resposta para essa pergunta é bem particular. Cada caso é um caso.

Você precisa ter em mente os cargos que almeja e principalmente onde se encontra hoje.

Por exemplo, se você está desempregado e busca se recolocar no mercado, eu não aconselharia a Certificação CEA, a menos que você queira atuar como autônomo.

Como as provas não são gratuitas o ideal é escolher a que se encaixa melhor no momento atual da sua carreira, levando em consideração para onde você quer ir.

Cada caso é um caso e deve ser analisado com bastante cautela. Se quiser uma ajuda na decisão, deixa um comentário no final desse artigo!

Vale a pena fazer um curso preparatório para a prova da ANBIMA?

curso-preparatorio-certificacao-anbima

Pense comigo:

As provas da ANBIMA custam de R$ 250,00 a R$ 630,00 dependendo da Certificação e de você ser um associado ou não.

Só esse fator, sem contar o tempo que você precisará dedicar aos estudos deveria ser um motivador pra passar de primeira.

Sem dúvidas suas chances serão melhores se você tiver ajuda de um bom curso preparatório.

Existe ainda o fator urgência.

Não é raro profissionais estarem sendo pressionados pela empresa que trabalham para obter uma certificação. Nesse caso, quanto mais rápido se preparar e fazer a prova, melhor.

E é exatamente aí que um curso preparatório pode ajudar, sendo um verdadeiro “encurtador de caminhos”, afinal, você não terá que ficar pesquisando todos os assuntos um a um sem mesmo saber se aquele conteúdo está atualizado ou não.

Para as provas da CPA 10, CPA 20 e CEA, nós recomendamos os cursos preparatórios da T2 Educação, que oferecem o melhor conteúdo do mercado, simulados comentados em vídeo, suporte personalizado com professores certificados e muito mais.

Clique na imagem abaixo e confira:

curso-t2-educacao-simulado-vantagens

Preparado para crescer na sua carreira?

Como vimos, as Certificações ANBIMA são indispensáveis para quem deseja ter uma carreira de sucesso no Mercado Financeiro.

Se você chegou até aqui, as chances de que esteja realmente comprometido em se tornar um profissional de sucesso são enormes.

O que eu tenho a dizer pra você é: Vá em frente!

Escolha a certificação que mais condiz com as suas aspirações e parte pra cima!

Espero que essa leitura tenha te ajudado de alguma forma a decidir o seu próximo passo.

Mas não vamos parar por aqui.

Gostaria de tirar dúvidas ou deixar dicas e sugestões?

Então manda nos comentários abaixo, será um prazer falar com você.

Compartilhe este conteúdo:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe este conteúdo:

Tabela de Conteúdo (Clique para navegar)